“Saúde emocional e qualidade de vida” será tema da Semana da Saúde no Judiciário de SC

0 1.340

10 março 2020 | 10h04min / A Diretoria de Saúde do Poder Judiciário de Santa Catarina (PJSC) definiu o tema “Saúde emocional e qualidade de vida” para a 2ª Semana da Saúde, que acontecerá de 6 a 8 de abril no Tribunal de Justiça e em diversas comarcas do Estado. A campanha é realizada neste período em função do Dia Mundial da Saúde, comemorado em 7 de abril. Segundo a chefe da Seção de Atenção Integral à Saúde, psicóloga Juliana Schlickmann Barcelos, a intenção desta ação é contribuir para a promoção da saúde física, mental e comportamental, além de trabalhar a prevenção de distúrbios, transtornos e doenças dos colaboradores do Judiciário catarinense.

Durante os três dias, servidores e magistrados terão acesso a informações de hábitos que evitam o adoecimento. “Tanto a ansiedade quanto a depressão têm no estresse e na exaustão significativos fatores de risco para o seu desencadeamento. Nesse viés, a promoção da melhoria da qualidade de vida por meio do incentivo ao autocuidado e a instrumentalização dos colaboradores para um adequado manejo do estresse revelam-se medidas fundamentais para a redução do absenteísmo”, destaca a psicóloga.

Ritmo de vida acelerado, prazos curtos para entregas, jornadas estendidas, pressão por metas e produtividade são situações que têm se tornado cada vez mais comuns na vida das pessoas. A rotina exigida pela pós-modernidade traz um desgaste físico e mental. Em 2019, a junta médica do PJSC atendeu 261 casos de transtornos de ansiedade e 188 episódios depressivos. Assim, os transtornos ansiosos e depressivos estão entre as quatro maiores causas de licenças para tratamento de saúde registradas ao longo do ano passado.

A chefe da Seção de Atenção Integral à Saúde pretende ampliar o conceito de saúde mental e emocional, ao destacá-los como estados de equilíbrio do ser. “As estratégias preventivas constituem-se em medidas capazes de evitar o adoecimento. No que tange à saúde mental, tanto os transtornos mentais relativos às condições depressivas (depressão leve, moderada e grave, distimia, transtorno bipolar) quanto os transtornos ansiosos em geral (ansiedade generalizada, transtorno obsessivo compulsivo, transtorno de pânico, fobias) podem ser tratados antes mesmo que necessitem de psicoterapia ou medicação”, observa Juliana.

Um dos serviços prestados na 2ª Semana da Saúde será a aplicação da escala de estresse. Isso vai possibilitar que servidores e magistrados recebam orientações sobre os hábitos saudáveis que devem ser adotados, conforme o nível de estresse detectado em cada indivíduo.

Imagem de destaque

Imagens: Pixabay

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.