Ação de servidores da Alesc beneficia famílias de sete comunidades carentes

0 64


A campanha “Juntos Somos Mais Fortes” – voltada ao apoio a famílias carentes atingidas pelos efeitos da crise econômica provocada pela pandemia de Covid-19 – fechou a sua segunda edição com a arrecadação de R$ 62.620, utilizados para a aquisição de alimentos e itens de higiene e limpeza para sete comunidades carentes da região da Grande Florianópolis.

A ação, que se estendeu por 30 dias, foi promovida pelo Sindicato dos Servidores da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Sindalesc) e pela Associação dos Servidores (Afalesc) e contou com o apoio da Associação dos Servidores Aposentados da Alesc (Afipolesc).

Conforme o presidente da Afalesc, Valter Euclides Damasco, a proposta das entidades era atuar em apoio às pessoas que, em razão da pandemia, perderam seus empregos e entraram em situação de vulnerabilidade econômica. “Conversamos sobre a forma como poderíamos ajudar essas famílias e tivemos a ideia de dobrar o valor doado, ou seja, aplicando um real a cada um real recebido.”

Uma novidade na edição deste ano da campanha, que em 2020 focou na aquisição de cestas básicas, foi a realização de uma consulta prévia às comunidades para a identificação das suas necessidades mais urgentes, disse o presidente do Sindalesc, Alexandre Melo.

Em razão disso, além das 10 toneladas de alimentos e também dos kits de higiene e limpeza, neste ano foi adquirida uma máquina industrial, solicitada pelo movimento “Mãos que Acolhem e Partilham”, para a costura de caixas vazias de leite longa vida.

O material, explicou o dirigente, é utilizado para cobrir as frestas das paredes e tetos de muitas moradias na comunidade do Siri, localizada no Norte da Ilha de Santa Catarina, próxima a dunas e que constantemente ficam expostas à ação da areia e do vento. “O grande avanço dessa campanha foi ouvirmos aqueles que realmente estão necessitados, pois muitas vezes o que acreditamos ser a demanda da pessoa, não é.”

Paralelamente à campanha “Juntos Somos Mais Fortes”, acrescentou Alexandre Melo, o Sindalesc e a Afalesc vêm promovendo uma arrecadação  de agasalhos e cobertores para as associações comunitárias selecionadas. Já para os meses finais do ano também está prevista uma mobilização em benefício de crianças carentes, intitulada “Natal Solidário”, na qual são angariados brinquedos e alimentos.

O psicólogo Marcos Cabral Borges, da Associação de Amigos da Criança e do Adolescente do Morro do Mocotó (ACAM), explica que os recursos arrecadados pelos servidores da Alesc são especialmente bem-vindos na atual conjuntura do país e contribuirão para a continuidade de outros serviços, como atendimentos em saúde, assistência social e de inclusão ao mercado de trabalho. “Não tem como a gente atender outras vulnerabilidades das pessoas se elas têm fome. Então, essas doações são de suma importância para a gente ter uma base para conseguir executar esse trabalho junto às comunidades.”

Além da Acam, as arrecadações de 2021 da campanha “Juntos Somos Mais Fortes” serão enviadas para a Comunidade do Norte da Ilha; Associação Pró-Brejaru; Associação Loteamento Los Angeles – Creche Monte Moriat; Mãos que Acolhem e Partilham; Centro Santa Dulce dos Pobres – Vila Aparecida; e Associação de Arte, Cultura e Esporte Vivendo e Aprendendo.

Itens adquiridos com a campanha:

  • Cestas básicas: 550 unidades
  • Kit higiene: 361 unidades
  • Kit limpeza: 361 unidades
  • Ovos: 6.750 unidades
  • Fraldas: 6.500 unidades
  • Máquina de costura Industrial: 1 unidade
  • Carnes: 300 kg
  • Legumes e verduras: 300 kg
  • Embalagens: 2.400 unidades

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.