BOLSONARO CHAMA ESTUDANTES DE ” IDOTAS ÚTEIS” E “IMBECIS”

0 359

Com a Economia “no fundo do poço”, conforme disse o Ministro da Economia, Paulo Guedes, o Presidente ignora o momento crítico e realiza novo giro aos EUA, desta vez em Dallas/Texas para importante “homenagem” de cunho pessoal, mas totalmente insignificante para o país tomado por milhares de desempregados, empresas a beira do colapso financeiro, rejeição de investidores externos, várias categorias insatisfeitas, além do governo Bolsonaro apresentar indicadores piores das gestões anteriores, se tomarmos comparativos no quadrimestre.

Um cenário desanimador ainda reforçado pela fala de Guedes, onde acredita que o PIB não ultrapasse à 1,5% neste ano. Muito abaixo do proclamado em pompas durante a campanha presidencial, numa nítida demonstração de total falta de conhecimento sobre a gestão brasileira.

Na chegada ao imponente hotel americano, Bolsonaro, breve como sempre em falas improvisadas ao vivo, falou sobre as manifestações de estudantes e professores, em relação ao corte de verbas no setor da Educação. ” O bloqueio é necessário e que os manifestantes que protestam contra isso no Brasil são “uns idiotas úteis, uns imbecis”, disse neste breve contato com a imprensa.

Considerou ainda “que estão sendo utilizados como massa de manobra de uma minoria espertalhona que compõe o núcleo de muitas Universidades Federais do Brasil”, resumiu Bolsonaro.

Professores, estudantes e trabalhadores da educação participam desde as primeiras horas da manhã de manifestações em defesa das Universidades Federais, da pesquisa científica e do investimento na educação básica. Os maiores protestos começaram nesta tarde em São Paulo, em Curitiba e no Rio de Janeiro.

Em menos de três meses, esta é a segunda viagem de Bolsonaro aos Estados Unidos desde a posse, em janeiro. A primeira visita foi em março, a Washington, onde Bolsonaro foi recebido na Casa Branca pelo presidente Donald Trump.

Bolsonaro foi obrigado a mudar a viagem, após o local escolhido em Nova York não concordar em receber o evento e empresas também desistirem de patrocinar a “homenagem” ao Presidente do Brasil, por considerá-lo “um ser humano perigoso”.

Jair Messias tem compromissos até esta Quinta-feira em Dallas e na Sexta-feira retorna ao Brasil. Dando sequência nas viagens governamentais, o Vice-Presidente Hamilton Mourão viaja na tarde de Quinta-feira para o Líbano, China e Itália.

JACKSON MAIER

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.