Conasa: 17 anos de investimentos

0 1.633

A Conasa Águas de Itapema completa em julho 17 anos de investimentos no saneamento do município. Com índices acima da média nacional no abastecimento de água e no tratamento de esgoto, Itapema passou a atrair ainda mais negócios ao ponto de ser considerada, no ranking do mês de junho do portal FipeZap, o metro quadrado residencial mais valorizado do país.

O início

Em 08 de julho de 2004 a Companhia Águas de Itapema começa sua atuação na cidade com o desafio de abastecer com água tratada e de qualidade toda a população fixa e flutuante que sofria com a falta de distribuição regular de água, principalmente durante as estações de veraneio, e de iniciar a implantação dos serviços de coleta e tratamento de esgoto, até então inexistente.

Os resultados

Com investimentos contínuos, técnicos e comprometidos com a gestão de qualidade das operações e do meio ambiente, a Companhia mudou a realidade de Itapema. A construção de Estações de Tratamento de Água, reservatórios e lagoas de reservação de água bruta resolveram os problemas com abastecimento e garantem água tratada durante todo o ano a 100% da população urbana.

O sistema de coleta e tratamento de esgoto foi sendo ampliado ano a ano e já atende 90% da população do município. Os investimentos já somaram R$ 266 milhões. Para o sistema de esgoto foram recentemente construídas 37 km de rede coletora nos bairros Jardim Praia Mar e Morretes, e ampliada e modernizada a Estação de Tratamento de Esgoto Morretes.

Itapema no Brasil

Itapema se destaca entre os municípios mais bem assistidos do país com distribuição de água potável e sistema de tratamento de esgoto. Enquanto o índice de atendimento no Brasil é de 83,62% no setor de água tratada, Itapema atende 100% da sua população urbana. Com relação ao esgoto, apenas 53% dos brasileiros contam com este serviço. Itapema realiza o tratamento de 90% do esgoto coletado.

Desenvolvimento

Os municípios com redes de abastecimento de água e tratamento de esgoto garantem saúde à população ao promover a redução de doenças, têm redução de mortalidade infantil e o índice de escolaridade maior, o que vai refletir num futuro mais produtivo. Entre os benefícios econômicos, é significante o impacto positivo na valorização imobiliária, com forte reflexo no turismo, potencializando a economia local, geração de emprego e o incentivo ao empreendedorismo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.