Coronavírus em SC: Estado discute a abertura de novos leitos clínicos e de UTI na região da Amfri

0 23


A possibilidade de abertura de 50 novos leitos clínicos e de UTI em cidades da Foz do Rio Itajaí foi o destaque da reunião entre Governo do Estado e prefeitos na manhã desta terça-feira, 2, em Balneário Camboriú. O chefe da Casa Civil, Eron Giordani, foi recebido pelo prefeito Fabrício Oliveira para discutir as ações de enfrentamento à Covid-19 na região.

“Já saímos da reunião com a garantia de pactuação de 25 leitos de retaguarda em Penha. O Governo do Estado está atuando em todas as frentes para dar celeridade ao atendimento aos pacientes de Covid”, afirmou o chefe da Casa Civil. Com a definição, cinco novos leitos somam-se aos 20 já existentes no Hospital Nossa Senhora da Penha. O secretário ainda solicitou informações dos prefeitos a respeito da capacidade de criação de novos leitos nos demais hospitais.

Também foi discutida a possibilidade de abrir cinco leitos imediatos de UTI em Balneário Camboriú, além de novas estruturas em outros hospitais da região. 

“Foi uma reunião em que conseguimos planejar, com os prefeitos e com o secretário Eron, a criação de 35 novos leitos de retaguarda e 15 de UTI. Os novos leitos de UTI serão 5 no Centro Municipal de Tratamento de Covid aqui de Balneário Camboriú, e 10 no Hospital Marieta. Os novos leitos de retaguarda serão 20 em Luiz Alves, 10 em Camboriú e 5 no hospital da Penha”, explicou Fabrício Oliveira.

O passo seguinte é o levantamento, por parte das prefeituras, de equipamentos, insumos e contratação de pessoal necessários. Também participaram do encontro, os prefeitos de Penha, Aquiles da Costa; de Porto Belo, Emerson Stein; de Luiz Alves, Marcos Pedro Veber; além do vice-prefeito de Itapema, João Luís Emmel, secretários de Saúde e diretores de hospitais. O prefeito de Porto Belo e presidente da Amfri, Emerson Stein, conduziu o encontro.

“A ideia é utilizar os leitos de hospitais menores, existentes aqui na nossa região, como leitos de retaguarda para atender aqueles que ainda não precisam de UTI’s e abrir novos leitos de UTI em hospitais maiores. Acreditamos que unidos conseguimos suprir uma boa parte das nossas necessidades”, reforça o presidente da Amfri e prefeito de Porto Belo, Emerson Stein.

Outra cidade que deve contribuir com o atendimento é Tijucas. “Mesmo não participando presencialmente da reunião nem fazendo parte da Amfri, o prefeito de Tijucas tem auxiliado na mediação de 15 novos leitos na cidade e que também servirão para atender as demandas do Hospital Marieta Konder”, afirmou Eron Giordani.

>>> Leia mais: Secretário da Saúde se reúne com prefeitos da Amfri e destaca parcerias para enfrentamento à Covid-19

Informações adicionais à imprensa
Mauren Rigo
Assessoria de Comunicação
Casa Civil
E-mail: comunicacao@casacivil.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2005 / 98843-3497
Site: www.scc.sc.gov.br
www.fb.com/casacivilsc / @CasaCivilSC

Fonte: Governo SC

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.