CUIDADOS NAS INSTALAÇÕES INTERNAS DO IMÓVEL

0 848

Quando você realiza o pedido de ligação do imóvel à rede pública de água e esgoto, é obrigação se assegurar que as instalações prediais internas da sua unidade estejam concluídas.

Atenção às ligações à rede de esgoto

Entre as irregularidades mais comuns está a ligação da água da chuva, proveniente de calhas e ralos, ao sistema de esgoto. Essa ligação sobrecarrega a rede coletora de esgoto, que não foi dimensionada para absorver esse incremento de vazão, e é uma das principais causas de extravasamentos de esgoto nas cidades, além de prejudicar o bom funcionamento das estações elevatórias e de tratamento de esgoto.

Alerta às ligações de água

O consumidor tem responsabilidades sobre a ligação de água como zelar pela conservação do cavalete, consertar possíveis vazamentos internos e garantir o acesso, com segurança, aos leituristas. O vazamento de água depois do hidrômetro é de exclusiva responsabilidade do consumidor. Também é responsabilidade do dono do imóvel instalar e manter em condições adequadas uma caixa-d’água que garanta reserva mínima para atender as necessidades dos moradores por 24 horas.

Monitore o consumo

É fácil identificar o padrão de consumo do imóvel. Basta acompanhar mensalmente, na conta entregue pelo leiturista, quantos metros cúbicos foram consumidos até o dia da leitura. Cada metro cúbico equivale a 1.000 litros de água. Se houver alteração significativa, o cliente deve identificar a causa. Os vazamentos podem ocorrer em qualquer ponto da tubulação. Os mais comuns são torneiras pingando, válvulas de descarga que não vedam, tubulações rachadas e a boia da caixa de água, lembrando que o extravasor da boia deve estar aparente para facilitar a identificação do vazamento em caso de extravasamento. Há também os vazamentos ocultos, que exigem muitas vezes os serviços de encanador para fazer o conserto que deve ser providenciado pelo morador assim que o vazamento for descoberto.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.