EMPRESÁRIOS DE ITAPEMA PARTICIPAM DE VISITA TÉCNICA EM ANITÁPOLIS

0 236

Ação realizada pela secretaria de desenvolvimento econômico visa otimizar serviços de atendimento em estabelecimentos do município

A Prefeitura de Itapema, por meio da Secretaria de Turismo, Cultura, Esporte e Desenvolvimento Econômico realizou no sábado (23/02) uma viagem técnica com vinte e dois empresários do município para conhecer o receptivo do turismo rural na cidade catarinense de Anitápolis, na região da Grande Florianópolis.

As quatro propriedades visitadas (Pousada Recanto das Cachoeiras, Sítio Pasárgada, Sítio Rei Artur e Sítio Mauerwerk) fazem parte da Acolhida na Colônia, entidade que atualmente desenvolve um trabalho de treinamentos e consultorias, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, para os empresários de Itapema que desejam seguir os moldes propostos pela associação. Melhorias no atendimento, gastronomia e hospedagem constam entre as ações trabalhadas durante as reuniões.

Presente na viagem, a secretária de Turismo, Noeli Thomé, avaliou como positiva a visita a Anitápolis. “Foi um dia de sabores, cores, produtos e serviços de excelência, que fizeram com que cada um de nós, itapemenses, que vieram para essa missão, acreditassem que é possível, que nós podemos realizar, temos potencial e vamos fazer sempre o melhor”, afirmou.

O grupo retornou para Itapema pretendendo implantar várias ações vistas durante os passeios. A empresária Angela Maria Cazali ressaltou a importância da viagem para o seu Pesque e Pague Luau da Barra, localizado na estrada geral do alto Areal. “Aprendi muita coisas e quero fazer ainda melhor. Gostei muito do trabalho da Acolhida e pretendo participar de várias outras reuniões que serão realizadas”, afirma.

Sobre a Acolhida na Colônia

A Acolhida na Colônia é uma associação de agricultores familiares destinada ao desenvolvimento do agroturismo. Através dela, pequenos agricultores passaram a oferecer, em suas propriedades, atividades de hospedagem, alimentação, venda de produtos, lazer. Esta atividade permitiu a geração de trabalho e renda no meio rural, sobretudo para as mulheres, contribuindo para sua autonomia. Atualmente, mais de 140 propriedades são associadas à Rede Acolhida na Colônia, distribuídas em mais de vinte municípios.

O presidente da Acolhida na Colônia Fernando Medeiros, fala sobre a importância do associativismo “A acolhida completa 20 anos neste ano. Esse projeto faz com que o homem do campo tenha outro recurso financeiro além da agricultura. Neste caso eles são orientados a trabalhar com hospedagem e também oferecer serviço completo de café, almoço e jantar. É um projeto francês que está crescendo muito. O agricultor abre a cabeça para outros assuntos como desenvolvimento sustentável e questões ambientais”, finaliza Medeiros.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.