Floram realiza retirada de Amendoeiras em calçada na região da Costeira

0 13


A falta de informação da população em geral sobre o plantio de mudas gera uma grande incidência de plantio de espécies exóticas na nossa cidade. Essas espécies podem causar danos à diversidade biológica e serviços ambientais.

Plantar árvores na calçada de casa é costume no nosso meio urbano, seja pela sombra ou pela beleza. Além da utilidade estética e da melhoria do bem-estar, a arborização também possui outro aspecto pouco percebido: a função ecológica. Apesar de rotineiro, o plantio de mudas geralmente ocorre sem orientação técnica e muitos moradores utilizam plantas exóticas invasoras, prejudiciais ao bioma de Florianópolis.

Na última quarta-feira (14), a equipe da FLORAM realizou a retirada de várias mudas de Amendoeira (Terminalia catappa), que é uma espécie exótica invasora, na calçada da AV. Jorge Lacerda, localizada no bairro da Costeira. No momento da retirada, também haveria a substituição das mudas plantadas, por mudas de Ipê-roxo (Handroanthus heptaphyllus), espécie nativa, adequada para área. A substituição não foi possível, pois no momento da abertura do berço, com a profundidade adequada ao plantio, a equipe da FLORAM se deparou com uma construção – uma espécie de laje sob a superfície do solo. A FLORAM já solicitou à Secretaria Municipal de Infraestrutura os projetos/plantas relacionados à infraestrutura para averiguar a questão e encontrar a melhor solução para o local.

Por que a substituição é necessária

As espécies exóticas invasoras, como a Amendoeira, não são naturais do ecossistema local. Elas impedem o desenvolvimento de árvores nativas, podendo levá-las à extinção. Podem apresentar-se como uma “concorrência desleal” às plantas locais, pois não possuem predador natural para exercer o controle de crescimento. Já as espécies nativas são adaptadas ao clima e interagem com a fauna local, servindo de alimento e abrigo para animais.

Quando quiser plantar uma muda em qualquer espaço público favor requerer no Pró-cidadão a abertura de processo específico – código 4286 – Autorização para plantio de árvores e arbustos em logradouros públicos. A partir da solicitação o setor técnico fará a análise e emitirá o parecer com as devidas orientações.


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.