“Foi uma surpresa”, diz tatuador procurado por Padre Fábio de Melo

0 18


source

O Padre Fábio de Melo surpreendeu os fãs ontem, após compartilhar que  tatuou uma abelha em uma das mãos. Segundo o religioso, o desenho representa um sinal divino. “Tudo começou com uma abelha que ficava pousando em mim, durante as lives das missas dominicais. Será meu sinal. De um tempo difícil, mas também bonito. De reclusão, de vida interior, de buscas e realizações silenciosas”.

Fábio de Melo e o tatuador
Reprodução

Fábio de Melo e seu tatuador


A coluna conversou com Fernando Shimizu, o tatuador por trás da abelha do padre Fábio. O profissional destacou a importância de uma figura tão marcante e relevante ter feito sua primeira tatuagem e o que isso representa ao universo dos tatuadores.

Na Bíblia não existe um versículo sequer que de fato condene as tatuagens. Você acha que agora que o Padre Fábio fez uma tatuagem, ele que é tão influente, principalmente na religião, vai despertar um novo olhar das pessoas, até mesmo as mais conservadoras, sobre o seu trabalho?

Vai abrir bastante o leque. O padre ter vindo até aqui quebra muitos tabus e abre fronteiras. Ele veio e disse que queria tatuar e, pra mim, foi uma honra. Não sabemos muito bem sobre essas questões da Bíblia, mas vi a discussão e a proporção que isso tomou. Ele mesmo citou em um comentário que ele já esteve do lado julgador, então acredito que as pessoas vão sim enxergar a tatuagem de uma outra forma a partir de agora.

Você ficou surpreso quando o padre te pediu para fazer uma tatuagem nele? Qual foi a sua reação?

O padre foi sim uma surpresa. No nosso primeiro contato eu nem acreditei que fosse ele. Cheguei até a brincar, mas ele me disse que era fã do meu trabalho e queria muito que eu participasse deste momento. Fiquei realmente feliz e grato. Pra mim, foi um presente pessoal e profissional.

Ele já chegou com o desenho que queria e da forma que queria em mente ou estava indeciso e você o ajudou?

Com relação ao desenho, ele contou sobre a abelha que ‘participava’ das suas lives todas as manhãs, e que ela pousava sempre em sua mão e que ele sabia que isso tinha um significado. Foi então que deu o nome de Ana, que é o nome da sua mãe. Ele mandou a foto pra mim e tentei passar o máximo de realismo, tanto na imagem como no tamanho, fiz no tamanho exato da abelha.

Quanto tempo levou pra finalizar tudo?

Demorei dois dias pra preparar e criar arte e duas horas pra tatuar.

O que representa para você ter tatuado um religioso como o padre Fábio?

Eu tenho 25 anos de tatuagem, de estudo, de viagens nacionais e internacionais, convenções e etc. Completo 20 anos de estúdio esse ano e receber a ligação do padre foi quase inacreditável. Saber que ele é fã do meu trabalho me deixou muito feliz. Representou tudo ver minha arte exposta pro mundo através de um padre, um ser humano como ele… Me deixa sem palavras e faz ver que valeu a pena toda a minha dedicação.

Vocês já se conheciam de longa data?

Quem nos apresentou foi o Kaká Diniz (marido da sertaneja Simone Mendes). Eles são amigos e em uma conversa citaram meu nome. Fomos apresentados, ele veio ao estúdio para fazer barba e cortar o cabelo e a amizade foi acontecendo.

Após o padre compartilhar nas redes sociais dele que fez a tatuagem, as pessoas se dividiram nas opiniões, o que fez reascender o debate sobre tatuagem versus religião. Como você encara a postura de quebra de tabu do padre Fábio? Acha que ela é necessária?

O padre quebrou todos os tabus e preconceitos. Hoje não sou só eu, vejo muitos tatuadores sendo marginalizados, discriminados e agora isso foi rompido de certa forma. Estou representando a todos que se sentiram dessa forma. Foi bastante necessário e importante, porque a tatuagem não pode ser marginalizada e isso está mudando.

Tem medo de te julgarem de alguma forma por você ter sido o responsável por tatuar um religioso?

Julgamento eu não tenho medo. Hoje eu só sinto gratidão por ter feito a tatuagem no padre, que é uma pessoa de um coração, humanismo e uma inteligência inigualáveis. Um cara que influencia milhões de pessoas e causou todo esse alvoroço na internet. E as pessoas não entendem que a tatuagem é uma arte exposta na pele. O dia de hoje é um divisor de águas no mundo da tatuagem.

Fonte: IG GENTE

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.