Forças de segurança pública impedem assalto a banco em Santa Cecília

0 907

Durante a operação, foram presas sete pessoas e cumpridos três mandados de busca e apreensão.

Na manhã de terça-feira (04/02/2020), no curso de investigação da Promotoria de Justiça de Santa Cecília,  o GAECO,  juntamente com a Polícia Militar, a Polícia Civil  e a Polícia Rodoviária Federal, conseguiu se antecipar e frustrar a ação de criminosos que almejavam assaltar um estabelecimento bancário no município de Santa Cecília, região serrana de Santa Catarina.

Durante a operação, foram presas sete pessoas e cumpridos três mandados de busca e apreensão. Na abordagem inicial, em um sítio na cidade de Santa Cecília, quatro pessoas foram presas em flagrante e outros três  escaparam para a mata. Após perseguição e confronto com troca de tiros, dois dos fugitivos  morreram e o terceiro continua foragido. A polícia mantém o cerco na região. 

Os mandados de busca apreensão foram cumpridos em Santa Cecília (dois) e o outro em São Francisco do Sul, resultando na prisão em flagrante de mais três pessoas. Foram apreendidas 5 espingardas, 3 pistolas, 5 coletes balísticos, munições, rádios, celulares, drogas, valores em espécie,  veículos (sendo um deles produto de roubo), dentre outros materiais que seriam utilizados no roubo ao banco, tais como: máscaras, objetos para inutilização dos pneus das viaturas policiais (conhecidos como ¿miguelitos¿), combustível para atear fogo nos veículos utilizados na ação.

A ação criminosa impedida é conhecida como “novo cangaço”, que, em via de regra, acontece com requintes de crueldade e extrema violência, se valendo de reféns e empreendendo terror em pequenos municípios.

O GAECO é uma força-tarefa composta pelo Ministério Público de Santa Catarina, Polícias Militar, Civil e Rodoviária Federal e Secretaria Estadual da Fazenda. Na operação desta terça-feira, participaram o Grupo Regional de Blumenau do GAECO , a Polícia Militar  (Agência Central de Inteligência (ACI),  Batalhão de Operações Especiais (BOPE) Batalhão de Choque, Batalhão de Aviação) e a Polícia Civil (Delegacia de Polícia de Santa Cecília e de São Francisco do Sul).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.