Frio e preço atrativo influenciam compras para o Dia das Mães

422

Cenário econômico estimula consumidor a buscar promoções

Foto 3(1)Todos os anos o varejo aguarda com expectativa a chegada do Dia das Mães, segunda data que mais aquece as vendas no comércio, atrás apenas do Natal. Mas seguindo a tendência do cenário econômico, o consumidor catarinense deve gastar 9,6% a menos em relação ao ano anterior, segundo pesquisa divulgada pela Fecomércio SC e a Federação das CDLs de SC (FCDL/SC). De acordo com Ivan Tauffer, presidente da FCDL/SC, apesar dos números não apontarem crescimento, o varejo está otimista. “Os lojistas catarinenses renovaram os estoques e estão focados em obter o resultado mais favorável possível”, afirma.

Ainda de acordo com a pesquisa o preço é determinante na decisão de compra de 36% dos entrevistados, seguido pelas promoções (30%). Atenta a esta tendência, na maior rede varejista de móveis, eletro e eletrônicos do estado o foco é nas condições de pagamento. “Além de preços à vista com excelentes descontos, estamos trabalhando algumas linhas de produtos em até 12 vezes sem juros”, conta Emerson Ruzza Geremias, diretor comercial da Berlanda.

Como a instabilidade econômica tem refletido no alto índice de endividamento dos brasileiros, a concessão de crédito é uma área onde a rede tem se destacado. “Estamos trabalhando para minimizar o efeito da crise sem prejuízo para os compradores e para as negociações”, explica o diretor.

Produtos preferidos

Os itens mais negociados pela rede nesta época são celulares, notebooks e toda a linha de cuidados pessoais, como pranchas alisadoras, escovas rotativas, secadores de cabelo e depiladores. “Com variedade de itens e condições facilitadas, a nossa expectativa é atingir um incremento na ordem de 10% sobre o ano passado”, espera Geremias.

Na avaliação de Ivan Tauffer a queda de temperatura na última semana influencia no resultado das vendas para o Dia das Mães, podendo ser mais animador do que o previsto inicialmente pela pesquisa. “A chegada do frio a Santa Catarina às vésperas desta importante data comemorativa tem animado o comércio, incrementando inclusive a comercialização de itens do vestuário, confecções e eletrodomésticos que ajudam a amenizar as baixas temperaturas”, finaliza o presidente.

Comentários estão fechados.