Moradores denunciam enxurradas em loteamento em Itapema

2 8.620

Cláudio Claudino Florenço e Angelina Helbing, residentes na rua 898, procuraram a redação para denunciar loteamento supostamente irregular e a administração municipal por negligenciar projeto de implantação de loteamento, autorizado pela prefeita Nilza Simas, por causar dores de cabeça, prejuízos e preocupações para todos moradores com as constantes enxurradas causadas por falta de drenagem, tubulação para escoamento das águas das chuvas para as redes fluviais, denuncia!.  

Claudino Florenço

Segundo Claudino, desde a implantação dos equipamentos no loteamento como abertura de ruas, corte do morro, derrubada da mata, toda chuva a enxurradas invadem as ruas trazendo lamas, causando prejuízos aos moradores da comunidade, bem como, a proliferação de ratos e de insetos (…). “Minha mãe também é moradora no local, perdeu o inquilino, conta que na chuva passada a enxurrada invadiu a residência e destruir todos os móveis, documentos e lembranças do inquilino, segundo Cláudio, sua mãe denunciou na prefeitura, logo em seguida apareceu um pessoal da “defesa civil” para avaliar, colher as informações, depois, disseram que seria tomadas as providencias”, porém, na chuva desta madrugada, 11, foi um caos, as imagens mostram os riscos que estamos correndo se nada for feito!?. Conversei com uma pessoa do “loteamento”, sabe qual foi a resposta, “não podemos fazer nada, pensa como ficamos, sem pai e sem mãe, conjectura o denunciante.

Veja ai na imagem, “lá no meio do “loteamento” tem uma placa, (monitorado por câmeras), então, temos as imagens para comprovar o que estamos denunciando, não é um absurdo? detona”.

Quanto a citação da Prefeita e do loteamento, os moradores fizeram questão de expor seus nomes, moramos aqui há mais de 30 anos, nunca tivemos problemas desta ordem, deveria ter ido na delegacia denunciá-los, fazer um registro de ocorrência, posto que estamos sobre riscos e de sofrer mais prejuízos, o que é injusto, por isso procuramos a imprensa para nos ajudar a denunciar a nossa situação, eles são poderosos, nós somos uma comunidade humilde. Já denunciamos o caso na Prefeitura, então o que vamos fazer, pergunta, ir aonde? se não na imprensa!

Podem colocar nossos nomes na matéria para eles saberem da nossa indignação, e lascou no lombo, a Prefeitura é a responsável por tudo isso aqui, denuncia!, perguntar não é ofensa, e a Promotoria, vereadores tem que nos ajudarem, onde anda esse povo? – questiona o morador e emenda,  este ano ele vão vir pedir votos, isto é o que eles sabem fazer de quatro em quatro anos, denunciou.

O espaço aos citados está aberto para contestação, basta encaminhar para e-mail: folhaestado@hotmail.com ou para o whatssap 47 99660 2945 

NR: O repórter, José Santana, informou aos autores da denúncia, caso algum membro da “administração” ou de qualquer outro órgão apareceram com ameaças ou qualquer tipo de retaliação, grave e nos informe para que possamos auxiliá-los nas providências legais. O único contato aceito pelos autores deverá ser para resolução dos problemas denunciados…

Imagens: Claudino Florenço

2 | Comentários
  1. Fernando Diz

    Matéria de grande relevância, uma pena que o autor não teve a mínima preocupação eu revisar seu texto e a concordância verbal, acaba sendo sofrível de ler.
    Uma pena!

    1. José Santana Diz

      Amanhã, vamos verificar o que houve, darei uma resposta, pelo que soube o material não foi submetido a correção, chegou pronta… então deve ter sido publicada sem verificação (correção de editor), por ser sábado, não havia plantão na redação… Obrigado, vamos ficar atentos!! agradecidos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.