NOTA DE REPÚDIO

0 146

É estarrecedor que um Deputado representante do povo catarinense use uma instituição tão respeitada e imaculada como a Assembleia Legislativa de Santa Catarina de forma pouco responsável como fez o então Deputado Ivan Naatz, nesta quinta-feira, 20 de agosto, em Sessão Ordinária. O Deputado usou uma foto deste Secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, para dar a entender que existiria envolvimento entre o então Secretário Adjunto com um homem identificado e preso numa operação envolvendo a compra dos respiradores. A foto em questão se trata de uma reunião entre o Secretário da Saúde de Santa Catarina, um representante do Ministério da Saúde e o atual assessor de gabinete, Vitor Bartelega, o qual foi confundido deliberadamente com outra pessoa. O Deputado Naatz lamentavelmente falta com a verdade na sessão e, mais, mancha o nome da ALESC com sua tentativa de politizar processos. Inclusive, uma de suas falas na sessão diz exatamente isto: que usou a CPI para fazer papel de oposição. O Deputado – de forma pouco republicana – ainda faz colocações retóricas e superficiais ao povo catarinense durante seu pronunciamento, dando a entender que o Secretário da Saúde é diretamente responsável pelo “dinheiro dos catarinenses durante a pandemia” e que o atual Secretário “continua comprando equipamentos” no Estado. Causa alta perplexidade quando um relator de uma CPI faz declarações do tipo – sem buscar a veracidade dos dados. Acredito que esse momento que vivemos necessita de pessoas sérias e comprometidas com o povo catarinense. Igualmente, eu acredito que essa é a hora de pessoas dignas assumirem o protagonismo da gestão de ações que têm impacto profundo na sociedade catarinense.

Reitero que jamais estive em contato com o homem ao qual o Deputado tenta me vincular e reforço meu completo compromisso com o povo catarinense. Reafirmo o meu total respeito à ALESC e lamento que esse tipo de postura como a do Deputado Naatz ainda ocorra num Estado tão honrado e autêntico como o nosso.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.