Pauta trancada para votação das contas de 2019

0 46

A Câmara de Vereadores de Itapema vota na noite desta terça, dia 16/03, durante a 6ª Sessão Ordinária, o Projeto de Decreto Legislativo 01/2021, que “aprova as contas do município, relativas ao exercício de 2019”. Esta é uma matéria que exige votação exclusiva do plenário, ou seja, a pauta dos vereadores fica “trancada” para votação de outros Projetos em tramitação.

Esta é uma atribuição fiscalizadora dos vereadores do município, que busca também dar transparência e controle ao cidadão, diante da execução orçamentária do município. Tanto é uma obrigação dos prefeitos prestar contas da sua gestão, como é dever do vereador fiscalizar tal ato, que também conta com o aval do Tribunal de Contas do Estado e Ministério Público.

Parecer favorável

O Tribunal de Contas emite um parecer prévio à votação dos vereadores e recomenda à Câmara Municipal a: aprovação, aprovação com ressalvas ou a desaprovação das contas. Cabe, então, ao Poder Legislativo julgar esse parecer com a votação em plenário. O parecer deste ano recomenda a aprovação das contas de Itapema. A Comissão de Finanças da Câmara, presidida pela vereadora Zulma Souza (Progressistas), e formada ainda pelos vereadores Léo Cordeiro (MDB) e Eurico Osmari (PSD), também emitiu parecer pela aprovação das mesmas.

Essa votação também demonstra que administração pública de Itapema – que envolve Executivo e Legislativo – está em dia com essa determinação da Constituição, que vem esclarecer à sociedade como foram aplicados os recursos públicos arrecadados pelo governo municipal. Esse é processo de julgamento dos gastos públicos, que também pode ser fiscalizado pelo cidadão, com o acompanhamento das matérias em votação, que ficam disponíveis para consulta pública no site da Câmara de Itapema, no menu “Atividade Legislativa”, página “Ordem do Dia” ou ainda em “Projetos”.  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.