Prefeita e vice-prefeito eleitos de Santa Cecília são cassados

222
Prefeita Santa Cecília
Foto: Diário Rio do Peixe.

19.10.2016 às 16:55 : A juíza da 51ª Zona Eleitoral (Santa Cecília), Aline Mendes de Godoy, cassou o registro de candidatura da prefeita eleita de Santa Cecília, Alessandra Aparecida Garcia, e de seu vice, José Francisco Dalzotto, por compra de votos e abuso de poder econômico. Da decisão, proferida na sexta-feira (14), cabe recurso ao Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina.

A Ação de Investigação Judicial Eleitoral foi proposta pelo Ministério Público contra a prefeita eleita, seu vice, José Francisco Dalzotto, Michel Garcia e Gilberto Carvalho, sob o argumento de que os investigados teriam praticado captação ilícita de sufrágio e abuso de poder econômico, quando ofertaram tratamento de saúde aos cidadãos do município.

“Na hipótese, houve o oferecimento de vantagem – consulta médica gratuita -, aos eleitores de Santa Cecília. E, registre-se, houve a realização da consulta, mas para a caracterização do ilícito nem seria necessária sua realização, pois bastaria que fosse simplesmente prometido”, destacou a magistrada.

A magistrada julgou procedente a ação e declarou ainda a inelegibilidade dos investigados por oito anos e determinou o pagamento de multa individual de mil UFIRs ao vice e de dois mil UFIRs aos demais/TRE/SC


Em Santa Cecília, a candidata Alessandra Aparecida Garcia (PSB) venceu a disputa com 6.185 votos. Ela foi a primeira mulher no município eleita prefeita e com uma votação histórica. A maior diferença para o segundo colocado de todas as eleições da cidade. Foram 61,16% dos votos válidos. Alessandra é fonoaudióloga, natural de Cascavel e tem 43 anos.  O adversário derrotado pela prefeita eleita foi João Rodoger (PSD), que fez 3.927 votos (38,84%).

Dos 292 municípios catarinenses que definiram a eleição em primeiro turno, 22 elegeram mulheres para a prefeitura no domingo (2). Florianópolis, Joinville e Blumenau terão segundo turno em 30 de outubro. Segundo dados do TRE, a maioria das prefeitas eleitas são do PMDB, oito. Na sequência, vêm as eleitas pelo PSD, são cinco, e as do PR, três. Do PT, são duas prefeitas.

 

Comentários estão fechados.