Prefeitura resgata cachorro atropelado na marginal da Via Expressa

0 22


A Guarda Municipal e a Diretoria de Bem-estar Animal da Prefeitura de Florianópolis realizaram nesta terça-feira, 2 de março, o resgate de um cãozinho atropelado na marginal da Via Expressa Continental, perto do local onde um deslizamento de terra foi registrado. A GMF recebeu uma ligação na central de emergências – 153 – informando sobre a ocorrência e foi até lá verificar.  

Com receio da gravidade do caso por conta do atropelamento, os agentes acionaram a Dibea para que o transporte fosse realizado da forma adequada. O resgate foi feito em conjunto e o cachorro levado para a o órgão de bem-estar animal.

Na Dibea, foi confirmado que o cão é macho, tem cerca de um ano de idade e não é castrado. E ele já ganhou um novo nome: Kombi. Até o momento a equipe veterinária informa que ele está com a pata quebrada e que outros exames seguem sendo realizados. Após a recuperação total, o animal ficará disponível para ser adotado. As adoções na Diretoria de Bem-estar Animal só podem ser feitas por munícipes de Florianópolis, já que o órgão tem jurisdição para atuar e realizar fiscalizações apenas dentro do território da cidade. 

Uma das atribuições da Guarda Municipal da Capital é prestar apoio à Dibea em resgates de animais feridos, abandonados ou passando por maus-tratos. O subcomandante da GMF, Ricardo Pastrana, relata que as ocorrências envolvendo resgate são particulares.

“Não tem como não se emocionar ao chegar em uma ocorrência de resgate, certamente é onde alcançamos a plenitude do nosso trabalho, seja de um pessoa ou um cachorrinho que geme de dor aguardando o socorro, estamos à serviço da vida”.


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.