PROGRAMA CHAPOLETADA QUESTIONA LEGITIMIDADE E LEGALIDADE DE ENTREVISTA DE COMANDANTE DA PM DE ITAPEMA

0 184

Exclusivo: Acompanha no link programa Chapoletada ao vivo, com novas informações sobre o caso 446, no bairro Morretes em Itapema, a violência policial rendeu uma das maiores repercussões sobre atitude dos policiais que segundo o comandante da PM, Capitão Rodrigues, disse para um veículo de comunicação que ouviu somente o comandante, contrário do que ele disse “parcialidade na reportagem”, quanto a este assunto esclarecemos que o Programa Folha do Estado (ao Vivo) segue critérios técnicos e profissionais rigorosos do manual e das prerrogativas da atividade jornalistica na apuração dos fatos.

Contudo, publicamos as versões da PM, das vítimas e dos advogados das vítimas, estranhamente que na filmagem dos policiais comandados pelos comandante Rodrigues da PM de Itapema, foge de todos os padrões da transparência, da legitimidade e da legalidade do caso 446, afirma o comandante na entrevista que estávamos corretos, sobre a prisão, diz na reportagem Rodrigues que no ato da “prisão do cidadão” a bateria do equipamento do policial acabou, exato, bem na hora que passaram a espancar o acusado por estar filmando a ação dos policiais.

Para conhecimento a vítima Nivaldo Vasco, não fazia parte da ocorrência e não possui nenhuma passagem pela polícia nem em favor ou contra. Após a repercussão do caso 446, a Promotoria de Itapema requereu a instauração de todos os procedimentos para apurar o caso nos órgãos competentes da Justiça

O caso será apresentado pelas Advogadas das vítimas na Corregedoria da PM da Capital, acompanhará a instrução da ação junto a Justiça Militar, bem como apresentará o caso ao Comissão dos Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Estado. Veja mais sobre o caso:

Veja mais sobre o caso: https://www.folhaestado.com/grito-de-socorro-da-vitima-de-espancamento-em-itapema/

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.