“RACHADINHA” EM GABINETE DE VEREADOR PODE TER DESDOBRAMENTOS TRAUMÁTICOS EM ITAPEMA

0 1.004

Caiu como uma bomba, ontem, 27,entrevista com o empresário Jacir Pancera, suplente do vereador Fabrício Lazzari (PP),denuncia a prática de “rachadinha” no gabinete. A entrevista foi ao ar, as 16h40min, desta quinta-feira, com narrativa do autor da denúncia que aponta com riqueza de detalhes como teria agindo o vereador Fafá para subtrair parte do seu salário.

Porém, nesta manhã, 28, o ex-vereador Jacir Pancera, em conversa por telefone com o editor do portal de notícias Folha do Estado, José Santana, informou que irá aguardar a manifestação do líder do governo Nilza Simas e vereador acusado Fabrício Lazzari (PP), para dar maiores detalhes sobre a denúncia feita contra o vereador Fafá ao Portal Folha do Estado, que reconhece a gravidade de suas declarações e impacto na opinião pública em virtude da grande repercussão do caso, que estuda com sua assessoria a utilização da Tribuna da Câmara para delatar e reafirmar a narrativa feita aos na banca do jornal Folha SC, bem como aos demais vereadores, e reforça , que está à disposição do Ministério Público, revelou.

Quanto a entrevista publicada no portal, o editor do jornal Folha do Estado, José Santana, informou ao autor da denúncia, Jacir Pancera, que cumprirá a regra básica do profissional, oficiará com cópia da entrevista com a denúncia à Promotoria da Moralidade Pública, explica ainda que o ofício não é uma denúncia, mas, sim, para tonar ciente as autoridade do fórum adequado relativo a um fato com suspeitas graves de crime, qual é obrigação moral do veículo levar todas as informações as autoridades do órgão competente, é a nota.

ENTENDA O CASO: O vereador suplente de vereador Jacir Pancera, denunciou prática de “rachadinha” pelo vereador Fabrício Lazzari, (Fafá-PP). Segundo Pancera, ao assumiu a vaga de suplente por 30 dias, na vaga do vereador Fafá, foi surpreendido, ao final do mês de mandato, logo após receber o salário como vereador, o vereador titular Fabrício (Fafá) requisitou seu cheque salário, no valor R$3.800,00, e devolveu R$1.000,00 e embolsou o restante. Declarou ainda Pancera que repassou o cheque salário nominal da Câmara de Vereadores, pessoalmente para o vereador Fafá, que na sequencia devolveu parte do salário e embolsou o restante.

Vereador Fabrício Lazzari – Fato: Divulgação

A redação da Folha SC, entrou em contato com o Gabinete do vereador Fabrício Lazzari, (Fafa) PP, para ouvir a sua versão sobre a acusação, ele que atualmente é líder do governo na Câmara de Vereadores de Itapema, respondeu a acusação em nota, que só iria se manifestar após a exibição da matéria no portal de notícias Folha do Estado.


NR: O Espaço segue em aberto para o vereador acusado usar quando julgar necessário.

veja entrevista completa: https://www.folhaestado.com/suplente-denuncia-vereador-fafa-pp-por-pratica-de-rachadinha/

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.