SANTA CATARINA OCUPA NO BRASIL O 4º LUGAR EM MORTES NO TRÂNSITO

0 407

Aldo Leite conhecido (Aldo da Praia) escreve mensagem em sua rede social (facebook) em homenagem a sua esposa vítima de acidente neste fim de semana, (29), as palavras sensatas e equilibradas é um soco no estômago das nossas autoridades que insistem em deixar para segundo plano a mobilidade urbana, enquanto isso…

Mobilidade Urbana: Professora Simonara Rodrigues morre atropelada enquanto passeava de bicicleta em Itapema, uma tragedia anunciada, os números apontam para uma rotina de mortes no trânsito, neste final de semana, nas rodovias de Santa Catarina em ao menos, 10 mortes entre os dias 28 e 29, estatística trágica. Os acidentes foram registrados nas regiões do Vale do Itajaí, Sul, Norte, Oeste e Grande Florianópolis.  

Metade das vítimas eram jovens com idade entre 16 e 28 anos e, das dez mortes, quatro foram de motociclistas, conforme informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Militar Rodoviária (PMRv) . Por volta das 19h30min, 29, a professora Simonara Rodrigues, foi mais uma vítima de atropelada morreu no local em Itapema. Conforme informações colhidas juntos aos órgãos da PRF, o casal pedalava quando a vítima, Simonara foi atropelada por um caminhão baú, no túnel de acesso ao bairro Morretes, próximo da loja Havan, em Itapema.

Testemunhas que presenciaram o acidente informaram que o caminhão teria passado por cima da vítima e que teria fugido do local sem prestar socorro. Após o acidente fatal, o motorista evadiu-se em seguida detido na cidade de Joinville, preso e conduzido à delegacia, onde prestou depoimento, alegando que que fugiu sem prestar socorro porque temia a possibilidade de sofrer linchamento por parte de populares.

Aldo Leite (da Praia e sua ex-esposa Simonara Rodrigues/foto Facebbok

Em sua página, Aldo Leite, como conhecido Aldo da Praiana, fez uma linda mensagem em homenagem a sua ex-esposa,  “Vinte e seis anos atrás Deus me mandou um Ser Iluminado chamado Simonara Rodrigues. Pessoa que me ensinou o verdadeiro sentido da palavra AMOR. Parceira fiel, amorosa, com um sorriso cativante que iluminava qualquer ambiente onde ela estava. Agora vai transformar-se em Estrela, iluminando a todos que tiveram o prazer de conhece-la. Pessoa de índole irretocável, profissional comprometida que tinha muita Paixão pelo que fazia. Ser professora da APAE Itapema não foi somente um desafio, foi uma missão. Inúmeros foram os dias que encontrava seus alunos na rua e imediatamente recebia um abraço caloroso cheio de carinho e verdade. Vai fazer muita falta, mas quem sou eu para reclamar, me cabe somente agradecer a DEUS tudo que passamos juntos. Os filhos que tivemos são bênçãos que ela colocou neste mundo. Vou te amar para sempre. A dor da perda é enorme, mas não tê-la mais a meu lado vai ser minha opção de agora para frente. MEU AMOR além da vida. Vai com DEUS” homenageou.

Na sua rede social, uma mensagem da vítima com foto da família, destaca a frase “Meu bem mais precioso! Minha família!” Simonara Rodrigues

A deputada estadual Ana Paula da Silva (PDT), manifestou pesar e lamentou a tragédia que se abateu sobre os amigos e familiares, qual ela tinha muitas afinidades e considerações, nesta hora de dor e sofrimento, o nosso abraço e nossa solidariedade é o mínimo, força ao Aldo e aos filhos e familiares, posto que tudo está nas mãos de Deus, lamentou a parlamentar

O número de acidentes registrados nas rodovias federais de Santa Catarina foi o maior do país em 2018. Oito de cada 10 colisões registradas ano passado tiveram uma pessoa morta ou ferida. Se não bastasse os registros, contabilizamos uma morte por dia nas rodovias federais durante o ano passado, colocando o estado Catarinense na 4ª colocação do ranking. Ao todo, 386 pessoas perderam a vida nas BRs do Estado em 2018. Fonte: Confederação Nacional do Transporte (CNT).

Frente aos números e uma constatação grave e mostram que é preciso implementação de políticas públicas voltada a mobilidade urbana, nos trechos que há maior concentração de moradores, a prudência e o olha clinico das autoridades devem ser constantes, posto que não faltam números, registros de óbitos para aclarar a mente das autoridades de trânsitos para medidas urgentes no sentido de minimizar a perda vidas.

leia mais: https://www.folhaestado.com/autopista-volta-a-ser-reunir-com-camara-de-itapema-volta-em-busca-de-solucoes-para-o-transito-das-marginais/

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.