VIGILÂNCIA SANITÁRIA DESINTERDITA CANTINHO DA ALEGRIA EM ITAPEMA

0 646

Cantinho da Alegria será reaberto, amanhã, 22, é isto mesmo, após o fechamento da Entidade, pela Vigilância Sanitária, nesta terça-feira, 19, sobre alegação infundada de descumprimento do decreto-lei do Estado de Emergência, (Covid-19) fundados numa determinação do Ministério Público (MP) para fiscalizar o Estabelecimento por descumprimento do Decreto-Covid-19.

O Órgão fiscalizador foi pela manhã, no dia 19, não encontrando nenhuma irregularidade, os agentes fiscais, ameaçaram a proprietária da Entidade, Leidaiana Miiller que se caso houve descumprimento do Decreto-Lei do Covid-19, a Vigilância fecharia o estabelecimento e que eles teriam uma ordem do Ministério Público, não apresentaram a notificação e nem a ordem judicial de fechamento, a tarde, do mesmo dia, após a repercussão agentes da Vigilância Sanitária retornaram ao local, emitiram um auto de inflação, sem coleta de provas ou flagrante de descumprimento do Decreto-Lei. “A grosso modo a casa caiu”!

Hoje, pela manhã, 21, o órgão da Vigilância Sanitária, administrado pela governo Nilza Simas, emitiu um auto de intimação, de acordo com o documento n. 31712743353/20 desinterdita o Cantinho da Alegria, podendo a ONG retornar as suas atividades. Conforme o documento emitido, pela Vigilância Sanitária, reconhece o equívoco crasso de fiscalização, relata que “havia álcool e gel e que todos os requisitos do Decreto-Lei estavam em conformidade e que havia seis crianças no interior do estabelecimento, tratando-se dos filhos de Leidaiana Miiller.  Esclarece ainda que no dia da inspeção não foi encontrada situação de aglomeração, bem como verificada o atendimento às normas sanitárias de enfrentamento à pandemia da Covid-19”.

De acordo com a presidente do Cantinho da Alegria, Leidaiana Muller, o projeto volta a atender as crianças a partir desta quinta-feira (22).

NR: Além das autoridades, existem pessoas de olho nos excessos e quando isso acontece, é necessário uma sociedade vigilante para reagir de imediato, como foi o caso, quero aqui nominar os veículos de imprensa, lideranças de vários partidos, pessoas de todos os lugares reagiram de imediato e o repúdio foi geral a gestão da Vigilância Sanitária e do governo de Itapema. Uma vitória da sociedade!

Entenda o caso: Na manhã, de segunda-feira, 19, a presidente da entidade, Cantinho da Alegria, Leidaiana Miiller foi surpreendida pela Vigilância Sanitária de Itapema com uma fiscalização amadora e sobretudo ameaçadora de que o Órgão iria fechar a ONG, por estar atendendo centenas de crianças carentes, com alimentação, banhos e agasalhos. Segundo a professora Miiller, as alegações dos membros do governo, logo pela manhã, na primeira fiscalização, foram pautadas com várias ameaças de fechamento do ambiente sobre alegações de que a Entidade estaria descumprindo o Decreto Estadual do Covid-19.  

Os fiscais sem nenhum documento em mãos para notificar a professora Leidaiana, anunciaram que se retornassem e encontrassem qualquer atividade fecharia, preocupada e sem informações, Leidaiana, fez um vídeo para as redes sociais sobre abordagem desastrada dos fiscais da Vigilância Sanitária causando uma enorme repercussão em todas as redes sociais. Leia mais : https://www.folhaestado.com/governo-de-itapema-fecha-entidade-que-cuida-e-fornece-alimentacao-para-centenas-de-criancas/

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.